Gluteoplastia: implante de silicone no bumbum

14 de agosto de 2018 as 11:48

GluteoplastiaMuitas mulheres estão insatisfeitas com o tamanho, a forma e o contorno de suas nádegas. Nádegas sem projeção, planas e/ou flácidas não se ajustam à sua autoimagem ideal.

 

A imagem corporal é uma parte importante de se sentir bem, desejável e confiante. Os implantes de nádegas, também conhecidos como gluteoplastia, são procedimentos cirúrgicos projetados para aumentar a plenitude e a projeção para a área de glândulas subprojetadas ou planas.

 

Vamos entender Como é feito o implante de silicone no glúteo. Acompanhe!

 

Avaliação pré-operatória

 

Todos os pacientes são vistos aproximadamente duas semanas antes da cirurgia para sua consulta pré-operatória.

Durante essa visita, todos os consentimentos cirúrgicos são assinados, as fotos são tiradas e um pacote informativo detalhado é fornecido com instruções específicas para antes e depois da cirurgia.

 

Uma lista completa de “prós e contras” também é revisada. Os pacientes recebem prescrição de um antibiótico, bem como medicamentos para dor e anti-náusea.

 

Esteja preparado para seguir todas as instruções recomendadas antes e depois da cirurgia para garantir os melhores resultados possíveis.

 

O procedimento

 

O implante de silicone no bumbum é realizado com anestesia peridural com sedação. O procedimento exige ao menos um dia de internação e deve ser realizado em ambiente cirúrgico, com duração aproximada de uma hora e meia.

 

Basicamente, a técnica mais comum começa com uma incisão de aproximadamente 5 cm entre os glúteos. A prótese é introduzida abaixo do músculo glúteo máximo. O tempo da cirurgia pode variar entre 90 e 150 minutos.

 

Complicações na cirurgia de implante de nádegas

 

Tal como acontece com a maioria dos procedimentos cirúrgicos cosméticos, as complicações são improváveis ​​quando realizadas por um cirurgião qualificado e competente. As complicações incluem, mas não estão limitadas a:

 

  • riscos de anestesia;
  • sangramento;
  • infecção;
  • acúmulo de fluido sob a pele (que pode precisar ser drenado);
  • danos nos nervos;
  • cicatrização deficiente;
  • cicatrizes insatisfatórias.

 

Também é possível assimetria, deslocamento, endurecimento do tecido cicatricial ao redor do implante e necessidade de cirurgia revisional (ou mesmo remoção dos implantes).

 

Recuperação

 

Um adulto responsável deve ficar com você nas primeiras 24 horas após a cirurgia. (Alguns pacientes podem precisar de assistência por mais alguns dias.) Na maioria dos casos, os pacientes podem retomar as atividades diárias normais em três a dez dias e podem retornar ao trabalho em duas semanas.

 

Outras limitações não incluem atividade extenuante ou trabalho pesado durante seis semanas. Depois, a atividade pode ser aumentada gradualmente.

 

Os efeitos do levantamento de suas nádegas serão imediatamente perceptíveis. Haverá alguns hematomas e inchaços nas primeiras semanas enquanto seu corpo se cura.

 

Nas próximas semanas, a aparência de suas nádegas continuará melhorando, resultando em um realce natural.

 

Estamos felizes em fornecer a você uma visão geral básica da cirurgia de gluteoplastia, mas a internet não substitui uma consulta pessoal e detalhada com o nosso cirurgião plástico certificado. Convidamos você a agendar uma consulta hoje.

Veja também!

cirurgia plastica