Dicas para escolher um cirurgião plástico

22 de outubro de 2018 as 23:20

cirurgiao-plasticoUm levantamento feito pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica mostrou que 63% dos processos jurídicos por erro médico em cirurgia plástica envolvem médicos não especialistas.

Para evitar arrependimentos em qualquer procedimento, o cirurgião precisa cursar dois anos de cirurgia geral e três anos de especialização em plástica.

Por isso, somente um médico especializado está habilitado para realizar qualquer procedimento cirúrgico estético com a segurança necessária ao paciente.

Continue lendo o texto, você vai perceber que escolher um profissional capacitado é coisa séria!

Procure um cirurgião plástico capacitado

É muito importante escolher com muita cautela e critério o profissional responsável pela sua cirurgia plástica. Qualquer procedimento desse porte deve ser realizado de forma segura e com muita precisão. Afinal, trata-se da sua aparência.

Ao escolher o cirurgião plástico ideal, você evitará erros cirúrgicos e problemas futuros. Procure ter certeza da capacitação do profissional e considere três pontos importantes:

  • certificação da SBCP;
  • currículo;
  • indicação de pessoas confiáveis.

No Brasil, infelizmente alguns médicos da área estética exercem a função sem mesmo estarem preparados para realizarem determinadas cirurgias, expondo o paciente a possíveis riscos.

Confira o cadastro do médico nos órgãos responsáveis

Outra coisa que você pode fazer antes mesmo de gastar tempo e dinheiro fazendo uma consulta é verificar o registro do médico junto ao CRM da sua região e conferir a situação dele no site da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Isso vai evitar que você confie em um falso médico ou em um médico que não tem mais licença para exercer a profissão. Outra alternativa é pesquisar o nome do médico na internet para ver o que há registrado sobre ele e qual é sua reputação online.

Caso o médico que você esteja pesquisando não conste na lista dos médicos credenciados, desconsidere-o na hora. Pois nada vale o risco de operar com alguém que não é qualificado tecnicamente e não saberá seguir todos os protocolos de segurança ou agir em uma situação de emergência.

Checklist para escolher o melhor cirurgião plástico

Vamos relembrar os principais pontos do que foi falado no decorrer do texto. Se você adotar essas dicas, a sua escolha será muito mais assertiva:

 

  1. Converse com outras pessoas que já operaram com o cirurgião. Avalie os resultados.
  2. Pesquise se o nome do médico está no site da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.
  3. Certifique-se que não há nenhuma ocorrência no CRM.
  4. Cheque quais hospitais ele é credenciado. É importante que seja um local com UTI.
  5. Conheça pessoalmente o médico e esclareça todas as dúvidas.
  6. Certifique-se que a clínica que você escolheu tem uma equipe de anestesistas, fisioterapeutas e enfermeiros.

 

Quer conversar com um dos nossos cirurgiões para esclarecer algumas dúvidas? Então ligue agora para (31) 3291-0108 e marque uma avaliação com um dos nossos cirurgiões plásticos.

Veja também!