Aumento dos glúteos: lipoescultura ou prótese?

11 de janeiro de 2019 as 19:46

aumento-dos-gluteosA forma e as dimensões das nádegas influenciam muito a sensualidade e atratividade das mulheres.

 

Porém fatores genéticos, idade, sedentarismo e hábitos alimentares são alguns dos empecilhos femininos na hora de alcançar o “bumbum empinadinho”.

 

Felizmente isso mudou, e muito! A cirurgia plástica e medicina estética evoluíram enormemente nos últimos anos, de modo que atualmente é possível aumentar o bumbum e modelar o contorno dos glúteos através de procedimentos seguros como lipoescultura ou prótese.

 

Entre tantos tratamentos estéticos e cirúrgicos, é normal se perder na hora de escolher o melhor procedimento cirúrgico.

 

Pensando nisso, hoje vamos esclarecer as diferenças para você. Veja só:

 

É melhor lipoescultura ou prótese?

 

Se o seu desejo for apenas redesenhar o contorno glúteo, a lipoescultura será melhor. Mas, se o objetivo é obter um aumento considerável do bumbum, será necessário utilizar as próteses. Vamos entender melhor um pouquinho sobre esses dois procedimentos.

 

Lipoescultura

 

lipoescultura é uma lipoaspiração onde parte da gordura aspirada é utilizada como enxerto para aumentar ou preencher outra área, comumente o glúteo.

 

 

Em geral o enxerto é feito quando a mulher faz também a lipoaspiração, sendo a gordura retirada e enxertada na região glútea para dar volume.

 

Por ser parte do próprio corpo, a gordura não gera nenhuma reação, rejeição e alergia. É muito segura. Sofre, porém, reabsorção em torno de 40% do volume enxertado, podendo variar entre pacientes.

 

Prótese

 

A colocação de prótese no glúteo pode ser arredondada ou formato oval. As opções de próteses variam entre 100 ml a 480 ml e não necessita de trocar ao longo dos anos.

 

A cicatriz é situada no sulco interglúteo, prega natural entre as nádegas. O tamanho da cicatriz é em torno de 7 cm, menor tamanho que possibilita a colocação da prótese de glúteo.

 

Enquanto estiver com pontos o local deve ser muito higienizado para evitar contato com fezes que pode ser foco de infecção e nesse caso a prótese tem que ser retirada.

 

Após a colocação das próteses, a paciente não poderá mais ter aplicações de injeção nos glúteos para não atingir a prótese e correr risco dela furar e ter que ser removida.

 

Afinal, qual a melhor opção?

 

Tendo em vista estes pontos, julgo que para aumentos maiores, melhor contorno glúteo e ganho de consistência, a prótese deve ser escolhida.

 

Para pacientes que têm gordura nos flancos (laterais do abdômen), a lipoescultura é uma boa opção, associada ou não à prótese de glúteo.

 

Sempre é importante salientar, que o resultado do procedimento está diretamente relacionado à escolha do procedimento correto e a realização de forma segura.

 

Para tanto, procure sempre um especialista, ou seja, certifique-se que médico seja membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

 

Continua com dúvidas sobre os procedimentos lipoescultura e prótese? Então ligue agora para a nossa clínica (31) 3291-0108 e marque uma consulta com o nosso cirurgião plástico. Tenho certeza que você tomará suas decisões hoje mesmo.

 

Você também pode gostar de ler: gluteoplastia ou lipoenxertia?

 

 

 

Veja também!